Escolha uma Página

CAMINHADA LITORAL URUGUAI

DE 04 A 6 DE NOVEMBRO

O Uruguai é um país pequeno e muito charmoso, com cidades arborizadas, campos extensos, praias limpas e um clima muito agradável, com um povo mais que acolhedor…

DATA

04/11/2016 à 06/11/2016

LOCAL

Uruguai

ESTRUTURA DO EVENTO

INCLUSO NO PACOTE

INCLUSO NO PACOTE:

– Transporte em ônibus leito ;
– Hospedagem com café da manhã no http://www.uyhoteles.com/proasur/inicio.asp;
– Refeições (1 café chuy, 01 lanche de trilha);
– Seguro contra acidentes;
– Camiseta personalizada doEvento;
– Guias em todo percurso;
– Transporte de retorno em veículo 4x4 em cabo Polônio;
– Fotos e vídeos da trip;

São Somente 25 Vagas

INVESTIMENTO:

8 x R$ 150,00 (boleto bancário)
ou
R$ 1099,00 a vista

VALOR POR PESSOA

 

Informações CAMINHADA LITORAL URUGUAI

2 + 14 =

DESCRIÇÃO

Para todos que esperavam esta aventura desde 2014 lançamos novamente esta aventura….

Lugares Visitados, La Coronilla, Forte de Santa teresa,Punta del Diablo, Cabo Polônio, La Paloma, Quebrada de Los Cuervos e muitos quilômetros de trajetos a beira mar…..

Roteiro:

– Saída de Nova Petrópolis as 22 Horas da quinta-feira dia 03 de Novembro, passando posteriormente 22:45 em Ivoti e 0:00 em Porto Alegre e seguindo viagem para fronteira. Parando apenas uma vez no paradouro em Cristal para lanche.e posteriormente na fronteira com o Chuy para tramites aduaneiros e Café da Manhã.

• 1º dia: Iniciaremos nossa caminhada em La Coronilla onde O ecoturismo tem lugares imperdíveis para ser conhecidos, como o Cerro Verde que é uma elevação coberta de vegetação silvestre, com cartazes informativos sobre a flora do lugar e lugares de onde contemplar as praias e as ilhas de cima. Outros paraísos ecológicos são a praia Palmares de la Coronilla (quatro km ao leste de La Coronilla), o Parque Nacional Santa Teresa, onde conheceremos o Forte de Santa Teresa, finalizando nosso roteiro do primeiro dia em Punta del Diablo. Os velhos habitantes de Punta del Diablo contam aos visitantes que há muitos anos construiu-se sobre a beira de pedra uma grande mansão sem que ninguém soubesse a quem pertence; alguns dizem que a sua proprietária era uma milionária que quis a sua identidade permanecer em segredo durante todos esses anos. O certo é que o silêncio combinou-se perfeitamente com a quietude desse belísimo lugar no que só se ouve o vento, as ondas e o canto de alguns pássaros marinhos.

A construção da descomunal mansão levou-se a cabo cuando Punta del Diablo ainda não estava nos mapas do Uruguai e nem sequer existíam caminhos consolidados para transportar todos os materiais requeridos. Só velhos pescadores conhecedores da pesca de grandes tubarões habitavam um lugar que resultava inóspito e hostil ao estabelecimento do homem.

Hoje, tudo parece ter mudado, mas apénas alguns conhecem a identidade dessa milionária que é uma das habitantes mais antigas do lugar. Diferentes agências de viagens e turismo organizam um roteiro pela cidade que culmina com a contemplação dessa exclusiva mansão que, além de ser imponente, possui um farol próprio e uma pista de aterrissagem privada.

Que quiser conhecer a vera história só terá que chegar até Punta del Diablo e procurar o segredo entre os habitantes mas velhos, ainda que muitos escolhem pelo “disso não se fala” para que a lenda continue viva.

APÓS CONHECER PUNTA DEL DIABLO RETORNAREMOS DE ÔNIBUS A LA PALOMA.

24 KM MODERADOS

• 2º dia: Após o café da manhã no Hotel UY Proa Sur seguiremos até um ponto onde iniciaremos a caminhada a Cabo Polônio, Cabo Polonio é um paraíso pela tranqüilidade das suas praias e a sutileza das suas construções. Há anos, é um dos balneários mais escolhidos por quens querem descansar.

Umas das particulares caraterísticas é que a maioria das suas moradias não têm energía elétrica nem água corrente, pelo que os ritmos e tarefas dos seus habitantes são marcados pela luz do sol; de sol a sol, poderia se dizer.

A sua localização geográfica enfrenta-ó com três pequenas ilhas onde reside uma colônia estável de lobos marinhos, chamadas La Encantada, O Islote e La Rasa.

O clima de Cabo Polonio é muito frío no inverno e muito cálido durante o verão; a estação ideal para conhece-lo é primavera, já que as temperaturas são agradáveis e não superam os 25ºC.

O que começou sendo uma pequena aldeia de pescadores, graças à visita estável de turistas foi virando um lugar onde, além da pesca, cresceram atividades artesanais e relacionadas com o turismo. A proximidade com Valizas e Aguas Dulces, dois balneários de muito mais fácil acesso, faz que Cabo Polonio seja um atrativo turístico para visitar desde essas dois últimas; mesmo assim, essa pequena população tem tudo para organizar uma estância.

As suas bonitas, largas e cálidas praias durante o día e a presença do farol, junto aos postos de artesanato locais, fazem dele um lugar perfeito para passar o día. Pela noite, o pequeno povo viste-se de velas e farois, que mostram a sua luz até o começo da madrugada. Sem luz elétrica nem água corrente, mas com a sua paisagem única, Cabo Polonio é um desses lugares no mundo que encanta e relaxa a todo aquele que escolhe visitar. E onde muitos tem escolhido ficar para sempre

16 km MODERADOS

• 3º dia: Neste dia iremos conhecer José Ignacio um antigo vilarejo de pescadores que se transformou em um destino hippie-chique que transita entre o clima praiano e o estilo rústico típico das cidades interioranas do Uruguai. O Farol de José Ignacio, de 1877, as praias Brava e Mansa e as atividades rurais são os principais destaques.

DE 15 – 20KM MODERADOS

http://www.uyhoteles.com/proasur/inicio.asp